QUAL O SEU ESTILO PREDOMINANTE? VEM QUE O TÁ NA MODA DESSA SEMANA VAI TE AJUDAR A DESCOBRIR

Se gostou compartilhe!

Qual o seu estilo predominante? Você já se fez essa pergunta? Vem que o TÁ NA MODA  dessa semana vai te ajudar a descobrir.

Nós, Ari e Jou, estamos sempre comentando aqui sobre o nosso estilo. Até hoje, antes desse vídeo eu achava que fazia somente a linha clássica e a Jou despojada. Agora já misturou tudo (risos). O “Tá Na Moda” nos mostrou que não temos um único estilo, dentre todos estamos sempre escolhendo o mood do dia, de acordo com o humor, personalidade e ocasião. Misturamos tudo, quem nos conhece sabe, como boas aquarianas que somos tem dias que queremos ser chiques e sérias, outros bem despojadas, porém elegantes. Mas, tem dias que acordamos querendo ser sexy, procurando a Demi Moore que em nós habita.

A Jou depois de assistir esse “Tá Na Moda” falou que esta sem identidade. Ana corre aqui, me ajuda a ajudar a Jou! Pode acontecer também? Pode! Somos novinhas e ainda estamos nos descobrindo (se eu perceber alguém rindo ao ler isso vou ficar bem chateada). Gente, falando sério, quando entramos na adolescência temos que nos vestir como menina moça. Com 20 anos, a mulher séria já tem que dar “sinais de vida”, roupa para faculdade, para trabalhar, primeiro emprego etc. Com 30 anos vem a maturidade familiar, muitas já casadas e com filhos. É difícil usar roupas curta e ficar agachando atrás de uma criança! Entramos no mood mãe, roupas mais sérias. Essas etapas fazem parte da construção do seu estilo. Quando você arruma uma babá e ganha vale night, a “sexyane” dentro de você grita e com certeza  arrasa no modelito. Na fase dos quarenta já da pra voltar a usar roupa mais curta, os filhos cresceram, não os meus porque eu ainda nem tive…continuando…mas, você já começa a misturar os estilos. Começa a se permitir e tem maturidade o suficiente para assumir o que você realmente gosta e se reconhece de verdade ao colocar AQUELA roupa! É isso, ainda está nascendo o nosso estilo próprio. Aquele que mostra a nossa personalidade, como queremos que o mundo nos enxergue, mesmo que não seja uma intenção consciente.

Como a Ana explicou, existem alguns estilos universais, e é através deles que iremos construir o nosso com um look de cada,  porque não somos obrigadas a ser elegantes todos os dias, sérias, despojadas, românticas, chiques, casuais e basiquinhas. Tem dias que queremos ousar, ser sexy e arrasar, mas o nosso estilo interior é outro e logo voltamos para ele.  Para te ajudar a construir o seu, descobrir qual é ou aprender a aplicar todos eles nossa expert em moda @acgaravaso reuniu as características de cada estilo.

  •  Romântico
    Esse é aquele estilo “E o vento levou”, caracterizado por saias, vestidos rodados, babados, cores candy (aquelas cores clarinhas que lembram balas e marshmallow), detalhes delicados, laços, rendas, sapatilhas de bico redondo, sapatinhos estilo boneca, pérola etc.
  • Clássico
    As pessoas desse estilo transmitem confiança, firmeza e credibilidade. São pessoas que preferem cores básicas (neutras) e peças mais formais. É normal esse estilo optar por peças de alfaiataria. 
    O perigo aqui é aparentar ter mais idade do que de fato se tem. Alerta Ariane ligado, porque até ontem esse era o meu estilo. Quero mais não. Vou jogar um sapato de onça aqui, um acessório bem chamativo. O grande lance é esse meninas, adaptar!

  • Elegante
    Esse estilo, na maioria das vezes, já nasce com a pessoa, algo que vem naturalmente. Pense naquela pessoa que você olha e pode estar vestida da forma mais simples possível, e mesmo assim passa uma imagem extremamente elegante, então, é isso, essa é a pessoa de estilo elegante e sofisticado.
    O cuidado aqui deve ser em não passar a imagem de uma pessoa autoritária e “nariz em pé”. Ihhhhh, alerta Ariane ligado de novo. Já me falaram assim: “Nossa achei que você era metida, nariz em pé. Estou vendo que você é simples e legal”. Gente, eu sou muito legal! São pessoas que passam a impressão de sucesso e poder. Cuidado para não confundir com o estilo tradicional que sempre opta pelo básico. Aqui a pessoa opta por peças com jeito de peças de grife, peças caras, modelos sofisticados. Jou, corre aqui! Gargalhei agora!

  • Casual
    Mulheres desse estilo, passam a imagem de serem divertidas e comunicativas. São aquelas pessoas que priorizam o conforto e a praticidade. Preferem usar cores básicas e tecidos de puro algodão. Nas estampas, são as mais básicas, usam muito as listras, o xadrez, estampas que estão sempre na moda. Se você tem esse estilo como o principal, tome cuidado para não parecer desleixada.

  • Sexy
    Pessoas desse estilo adoram destacar o corpo. Roupas curtas, saias lápis, decote, animal print, transmitem sensualidade e autoconfiança. Muita atenção para não esbarrar no vulgar. Para quebrar o excesso de sensualidade, é bacana usar um blazer, um cardigan, trocar a calça de couro justa por uma de alfaiataria e usar peças de tecidos mais nobres. 

  • Criativo
    Quem é adepta a esse estilo, adora mixar tudo: cores, texturas, tendências e os próprios estilos entre si! São pessoas que passam a imagem de criatividade e  muita ousadia. 
    Ter atenção na hora de combinar as peças é muito importante para evitar o excessos, e não correr o risco de entrar na área do caricato. A dica é equilibrar peças muito criativas com outras mais básicas.

  • Moderno
    As que adotam esse estilo, adoram um look todo preto ou o preto mixado a cores contrastantes. Amam peças assimétricas, exóticas, incomuns. Passam a imagem de segurança e ousadia. O cuidado aqui deve ser em não errar a mão e usar todas as tendências no mesmo look. 

 

 

E AGORA, JÁ CONSEGUE DEFINIR QUAL O SEU ESTILO?

 

JÁ SEGUE O SITE NO INSTAGRAM?

Deixe uma resposta